COMPROMETIMENTO

Quitandeira Luzia e o preparo do esturro

Culturas que se entrelaçam: uso e costume do turista da fronteira, o paraguaio Emílio Gonzalez,mestre em História e a matula de tropeiro das Minas Gerais

Seguindo as orientações da ROTA ER – Rede Organizada para o Turismo Auto-sustentável na ESTRADA REAL estamos preparados para atendê-lo com uma estadia baseada na conquista diária dos padrões do turismo responsável preconizados pela RAINFOREST ALLIANCE. Somos norteados pelos princípios desta organização que têm como propósitos minimizar os impactos negativos e maximizar os benefícios da atividade turística no entorno sociocultural, ambiental e empresarial.

Por isso, o BONSERÁ CAFÉ MINEIRO adota práticas de responsabilidade sociocultural e ambiental; revitaliza a economia local, através do uso da produção do entorno, do serviço das quitandeiras, dos artesãos ouropretanos; presentifica e preserva a cultura local através do Café Cultural onde acontecem contação de causos, bonsaraus, arte cênica, atrativos que favorecem, dentre outros, a motivação turística em relação ao município de Ouro Preto. O intercâmbio entre as culturas regionais e de outros países é constante.

Turista de Porto Alegre e o modo de fazer “biscoito frito mineiro”

Ator Henrique do Grupo RECILINOVE no Café Cultural

Registro no Livro de Visitas do sr. prefeito e historiador Ângelo Osvaldo; como a anfitriã, membro do Instituto Histórico Geográfico de Minas Gerais.

Comments are closed.